Skip to content
Pássaros Exóticos

Urubu-rei

Sendo maior e mais colorido de todos os urubus, o urubu-rei (Sarcoramphus papa), do (grego) sarx = carne; e rhamphos = bico; e do (latim) papa = Papa, maior, maioral.

Também é conhecido como corvo-branco, urubu-real, urubu-branco, urubutinga, urubu-rubixá e iriburubixá.

É chamado de urubu-rei por vários motivos, dentre eles pelo grande porte e pela hierarquia observada durante a alimentação com outros urubus.

 

urubu-rei
Foto: Reprodução.

Neste artigo você conhecerá mais dessa ave de rapina que pertencente à família Cathartidae, um Falconiformes e pode ser encontrada em todo território Brasileiro.

Qual o habitat de um Urubu-rei?

Ave diurna, pousa nas árvores mais altas da mata, onde costuma dormir.

Passa a noite empoleirada em um galho, sempre no mesmo lugar. O urubu-rei levanta vôo quando o sol nasce e plana acima do topo das árvores.

Circula bem alto. Locomove-se no solo a custa de longos pulos elásticos as pernas são relativamente longas.

Encontrado em todo Brasil, mas principalmente áreas de Cerrado, em florestas com clareiras, borda de matas, capoeiras e savanas. Sua distribuição é abrangente, e vai de toda a América Latina até ao sul do México. Embora presente em todo o Brasil, é mais comum nas regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste.

Encontrado também do México à Colômbia, Bolívia, Peru, norte da Argentina e Uruguai.

O urubu-rei é um pássaro que corre risco de extinção pois é afetado pela destruição de seu habitat e também por ser alvo de traficantes de animais, devido a sua grande beleza.

Algumas atividades foram implementadas para aumentar a população, incluindo um programa para criá-las em cativeiro.

Características do urubu-rei

O urubu-rei possui uma envergadura que varia entre 170 e 198 cm, e seu peso oscila entre 3 a 3,7 kg. No desenho do corpo, destaca-se dos outros pelo branco e preto da asa e pela cauda muito curta.

O pescoço é todo colorido, alaranjado ou vermelho. Essas cores fazem um intenso contraste com o olho branco.

No urubu jovem, as penas são pretas até os seis meses de idade. Após esse período, começam a adquirir plumagem branco-amarelada no corpo.

O urubu-rei não possui muitas diferenças sexuais, o macho é apenas levemente maior do que a fêmea.

Seu forte bico o faz ser o único urubu a conseguir abrir as partes mais difíceis de seu alimento, como a carcaça de um animal grande ou rasgar o couro de um boi ou de um cavalo. São mudos, não possuem siringe (laringe inferior das aves), sabem porém bufar.

Eles são aves que costumam voar em bandos ou sozinhos, geralmente suas fêmeas procuram botar os ovos, são cerca de três ovos por cada chocada, para chocar em lugares não muito comuns igual as outras aves como diretamente no solo, no meio de pedras ou em tronco de arvores.

Após cinquenta e dois dias os urubus nascem e as fêmeas cuida dos seus filhotes até que eles possam sair para a caça sozinhos.

  • Nome científico: Sarcoramphus papa (Linnaeus, 1758);
  • Nome popular: Urubu-rei;
  • Nome em inglês: King Vulture;
  • Reino: Animalia;
  • Filo: Chordata;
  • Classe: Aves;
  • Ordem: Cathartiformes;
  • Família: Cathartidae Lafresnaye, 1839;
  • Gênero: Sarcoramphus;
  • Espécie: Sarcoramphus papa.

Quanto tempo vive um Urubu-rei?

São animais livres mas que podem viver em cativeiros.

Estima-se que vivam cerca de trinta anos em cativeiro fechado, podendo viver bem mais ou bem menos no meio ambiente aberto.

Qual é a função do Urubu-rei?

urubu-rei
Foto: Reprodução.

Os animais como o urubu-rei desempenham um papel saneador importante, eliminando matéria orgânica em decomposição.

Os urubus, no geral, têm uma importância imprescindível na natureza, eles contribuem para a manutenção e limpeza do meio-ambiente, eliminando em até 95% carcaças e ossos dos animais mortos.

Dessa forma, eles ajudam na prevenção da propagação de doenças, evitando a putrefação da carne dos cadáveres dos animais e, consequentemente, a multiplicação de microrganismos que podem contaminar e causar doenças aos seres vivos.

O que o urubu-rei gosta de comer?

Com dieta estritamente carnívora, o urubu-rei se alimenta somente de animais mortos. Sua alimentação é predominantemente de mamíferos de médio e grande porte (antas, capivaras, gado e outros animais de criação), mas também pode aparecer em carcaças de grandes peixes, jacarés, serpentes e aves.

São imunes, aparentemente, ao botulismo, doença que ataca o homem e outras aves por ingestão de alimentos enlatados, como patê, contaminado pela bactéria Clostridium botulinum.

O suco gástrico dos urubus é bioquimicamente tão ativo que neutraliza as toxinas cadavéricas e bactérias, eliminando perigos posteriores de infecção.

Quando são alimentados em cativeiro com carne fresca, são limpos e sem mau cheiro.

Com os sentidos da visão e do olfato particularmente apurados, os urubus localizam de muito longe as matérias em decomposição das quais se nutrem. Um alvo de apenas trinta centímetros pode ser detectado por eles de uma altura de três mil metros.

Urubu-rei
5 (100%) 3 votes